quarta-feira, 30 de março de 2011

SORRISO LOUCO

Eu?
Eu sou doce,
frágil...
Por vezes,
furacao...
Amável criatura,
tao normal como um trovao...
Eu?
Eu choro,
eu grito,
num sorriso mudo,
eu sofro e sou feliz...
Eu?
Eu sou de tudo,
tao pouco...
Nao tenho nada,
mas quero pouco...
Um amor louco,
tenho comigo,
nao façam pouco...
Quero apenas um tesouro,
um  tanto de tao pouco,
esse que trazes no olhar,
que faz notar a alegria,
no teu sorriso mais louco...

Sem comentários:

Enviar um comentário