sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

SEJAM FELIZES

Chegando ao fim de mais um ano,
feito o balanço,
vejo que fiz novos amigos,
conservei grande parte dos velhos,
alguns,
fizeram-me chorar,
outros,
fizeram-me sorrir,
uns,
amaram-me,
outros,
eu amei,
todos,
fizeram parte da minha história...
Para ti que estás a ler esta mensagem,
quero que saibas,
pretendo levar-te comigo,
para que eu possa preencher os teus dias,
na alegria e na tristeza,
para que me possas dar a mão,
fazer-me sorrir,
mesmo quando eu quiser chorar...
A todos desejo,
do fundo do meu coração,
um milhão de sorrisos por dia,
e por favor,
SEJAM FELIZES!!!

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

A COR DO AMOR

Passo pela vida,
corro sem saber,
choro sem querer,
tento encontrar o que nunca vi,
algo diferente,
em cada ser,
todos diferentes,
tão iguais,
um tanto banais,
tão especiais...
Quero ser,
majestade em teu reino,
deusa em teu mundo...
Quero ser,
a menina dos teus olhos,
um sonho na tua realidade,
a estrela que te guia,
de noite e de dia...
Preciso saber,
onde te escondes,
não tenhas medo
mostra-me um sinal,
dá-me uma flor,
para que eu te mostre,
a cor do amor,
brilhante como o sol,
amante do mar,
que me vem beijar em noite de lua cheia,
secretamente,
durante meu sono,
escondido,
no medo de amar!!!

NÃO SEI MAIS CHORAR

Sempre lutei,
fui guerreira,
amante de sonhos,
conquistadora de causas impossíveis,
perdida em mistérios...
Sempre quis ver,
o que não se vê,
viver a correr,
num mundo de aparências,
perdido,
em sobrevivências...
Sempre mostrei o que sou,
nunca fui o que quis,
porque o mundo,
é o que o povo quer...
Mas,
como sou do contra,
transformei,
cada lágrima num sorriso,
habituei-me a sorrir,
agora,
mesmo que quisesse,
não sei mais chorar!!!
Vou amar,
sorrir,
viver...
No fundo do meu poço,
existe um trampolim,
vou saltar,
gritar,
e voltar a amar...!!!

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

UM FELIZ NATAL

Para ti,
sim,
tu que recebeste esta mensagem,
acredita,
não foi por acaso,
foi apenas para saberes,
que te inclui no meu grupo de amizades...
Para ti,
sim,
tu que estás a ler esta mensagem,
desejo-te do fundo do meu coração,
não só para este Natal,
mas também,
para todos os dias da tua vida,
um sem numero de sorrisos cheios de alegria...
Para ti,
sim,
para ti,
e agora só para o Natal,
um FELIZ NATAL com muita paz e harmonia!!!

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

BEIJOU-ME UM ANJO

Enquanto dormia,
alguém me beijou,
forte beijo suave,
tão real e fora do normal!
Abri os olhos,
não era ninguém...
Beijou-me um anjo e fugiu,
deixou-me nos lábios,
o sabor encantado,
do seu doce beijo iluminado...
Por quem me tomas,
anjo meu???
Procuro-te pela eternidade,
apareces e desapareces,
feito raio sem trovão,
em noite de verão...
Procuro-te de vida em vida,
entre a multidão,
num vai e vem de sorrisos e lamentos,
acalentando suspiros e tormentos,
de mão dada com a solidão...
Encontro-te nos meus sonhos,
enquanto te escondes...
Vai-se lá saber o porque...!!!

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

PALAVRAS...

Não,
não tenhas medo,
são apenas palavras,
ditas em silencio,
faladas entre a realidade e o sonho,
nas chamadas "entrelinhas"...
São palavras,
nada mais,
aquelas que vêm da alma,
saem em forma de brilho no olhar,
fazem estremecer quem as entende...
Palavras secretas,
ditas com amor,
recebidas com paixão,
abrem mundos,
movem montanhas,
fazem sorrir quem as ouve...
Não tenhas medo,
falar em silencio,
não é ser misteriosa,
palavras,
são poderosas,
algumas,
fazem eco no peito,
estremecem com o coração,
descontrolam a emoção...

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

UM MUNDO ESTRANHO

Entre as linhas que escrevo,
existem,
suspiros de esperança,
gritos de alerta,
lágrimas de tristeza,
gemidos de dor,
e muitos sorrisos de gratidão...
São desabafos de um mundo estranho,
que pouco entendo,
mas que também,
não faço questão de entender...
São alegrias esperançadas,
de um mundo ideal,
criado e inventado por mim,
no meio de um vendaval...
Entre os meus sonhos,
vou aprendendo a viver,
sorrindo para não chorar,
amando para não desanimar...
Ao amanhecer,
ligo a magia,
mas o mundo,
cruel como é,
puxa-me pelos pés,
sacode os meus sonhos,
devolve-me os lamentos,
tenta roubar-me o sorriso,
mas esse,
esse ninguém mo rouba,
nasceu comigo,
e comigo vai até à morte,
mesmo que seja triste...

domingo, 11 de dezembro de 2011

O TEU BEIJO

Tenho guardado no peito,
os teus beijos,
até mesmo,
aquele que não me deste...
Levo comigo,
na minha lembrança,
o teu sorriso de esperança,
esta saudade que me mata,
essa coisa que me atormenta,
uma vontade de te ter sem te querer...
Pudesse eu,
apagar do peito,
a dor de não ter feito...
Pudesse eu,
apagar do peito,
a lembrança do teu olhar...
Pudesse eu,
voltar no tempo,
e sem medo,
pudesse eu,
dar-te o beijo que não me deste...
Agora eu sei,
prefiro morrer arrependida,
que viver na duvida de como seria...
Esta duvida,
mata lentamente,
consome permanentemente,
tortura a mente,
espicaça por dentro...
Bem sei que,
o tempo traz,
o tempo leva,
mas prefiro sofrer na pele,
que morrer por dentro!!!

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

AO VER-TE SORRIR

Não,
não me fazes falta,
nunca precisei de ti...
Entendi,
que na vida,
há tempo para tudo,
e o melhor,
está para vir...
Não,
não choro porque te perdi,
apenas tenho pena,
porque me perdeste...
Feliz,
é o meu sorriso,
ao lembrar que,
um dia exististe...
Não,
falta não me fazes,
apenas,
sinto-me bem,
ao ver-te sorrir...

NÃO CHORES

Se um dia,
eu disser que não te quero,
não desistas,
é o medo,
a falar por mim...
A vida tem dessas coisas,
são momentos de fraqueza,
não me esqueças,
perante a incerteza...
Não,
não chores minha partida,
escuta o meu silencio,
ouve meu grito mudo,
olha-me nos olhos,
dá-me a mão e sorri,
para que eu fique...

sábado, 3 de dezembro de 2011

LOUCAS HISTORIAS TATUADAS...

Indo eu,
estrada fora,
juntando historias,
sem hora marcada,
em simples momentos,
vindas ao acaso,
surgidas,
em pequenos pensamentos...
Entre muitas historias,
algumas,
com cara de caso,
sorriso maroto,
irrequietas brincadeiras...
outras,
defensivas,
fortes guerras vencidas,
entre lagrimas e sorrisos...
Na vida,
tive vitorias,
tive perdas,
tive amores e desamores...
Na vida,
tive de tudo,
um pouco,
entre loucos,
poucos são,
os que me entendem...
Trago historias tatuadas,
pequenas marcas,
tatuagens,
construidas pouco a pouco,
cravadas,
em meu forte coraçao fragil...

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

O AMOR É TRAMADO

O amor,
o amor é tramado,
faz planos,
sem enganos,
traz tormentos,
entre mentes,
mas não mente,
apenas ama hoje,
amanha,
descobre que não sente...
O amor,
o amor é tramado,
por vezes,
disfarçado,
ora de amigo,
ora de amante...
Conforme o vento traz,
conforme o vento leva,
muito vem,
tanto vai,
pouco fica...
Confuso???
Não,
apenas mágico,
sonhos vêm,
sonhos vão,
uns vividos,
outros não...
O amor,
é tramado...
O segredo,
é amar com o coração!!!

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

QUEM MELHOR QUE EU...?

Passo o tempo comigo...
Quem melhor que eu,
para me aturar?
Por vezes,
nem eu mesma me entendo...
Quem melhor que eu,
para me entender?
Conheço minhas historias,
minhas lágrimas,
meus sorrisos,
meus lamentos...
Conheço minhas crenças,
meus sonhos,
minhas capacidades,
minhas limitações...
Quem melhor que eu,
para passar o tempo?
Não desfazendo,
minhas amizades que adoro,
mas,
quem melhor que eu,
me conhece?
Eu,
apenas eu conheço-me,
por dentro,
onde tudo acontece,
por fora,
como o mundo acha que me conhece...

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

TU NÃO SABES NADA...

Tu não sabes nada de mim,
o que passei para chegar aqui...
Os sonhos que vivi,
os fracassos que sobrevivi...
Tu não sabes nada,
não sabes o que a vida me ensinou,
nem tão pouco,
como aprendi...
Tu não sabes,
a importância que tem,
para mim,
um sorriso,
o que me diz o silencio,
nem os segredos que o mar me conta...
Tu não sabes nada de mim!
Ainda achas que me amas?
Então vem,
eu conto-te tudo...
Se ainda assim,
continuares a achar que me amas,
então fica...
Prometo amar-te,
como te amo agora,
fazer-te sorrir pela vida fora!

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

A CARTA


                                                            Ponta Delgada, 09 de Setembro 2010


                      Minha cara amiga tristeza

        Venho por este meio despedir-me oficialmente de ti.
        Hoje percebi que nao me cai uma lágrima de dor há muito tempo, entendi que todas as que tenho chorado ultimamente foram
  de alegria, tal como todas as que virão daqui para a frente, serão no meio de muitos sorrisos e gargalhadas, alegrias e boa
  disposição.
  Por este motivo e muito mais, despeço-me agradecendo a companhia que me fizeste todos estes anos, mas está na hora de ir
  embora.
  Terás um sorriso meu sempre que passares por mim, afinal estivemos juntas durante muito tempo e foi contigo que aprendi mil e
  uma coisas, cresci e hoje sou quem sou graças a ti.

  Adeus...!!!


                                                                                             TERESA SILVA

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

QUERIDO DEUS (2ªcarta)

                                                      Ponta Delgada, 16 de Novembro de 2011


     Querido Deus,
escrever-Te para que saibas que Te entendo.
     Todas as pessoas que colocaste na minha frente, todas, mesmo aquelas que depois retiraste da minha vida, todas elas vieram por um motivo, bem como todas as situações que me deixaste passar, mesmo aquelas em que chorei, foi igualmente por um motivo... Sabes o que fazes e eu sei que não dás ponto sem nó.
És fantástico quando falas entre-linhas, quando me piscas o olho através do teu disfarce a que chamamos acaso, e quando tudo parece ter sido em vão, vens Tu e provas que não brincas em serviço.
     Agradeço-Te por tudo, pelas maravilhas que me mostras, pelas alegrias que me proporcionas, pelas coisas que me ensinas, pelas amizades que me ofereces e até mesmo, pelos meus inimigos também.
     Querido Deus, estou-Te muito grata por não ter sido mais fácil, afinal de contas, foi o difícil que fez de mim a mulher de luta que hoje sou. Só tenho um pequeno pedido a fazer-Te, traz-me alguém capaz de me entender, alguém que me ouça e me compreenda sem que me ache louca ou complicada, coisa que nós dois sabemos que não sou.
      Sem mais assunto, só me resta despedir-me com beijinhos e um forte abraço.

PS: Podia dizer-Te também que confio em Ti, mas isso já sabes.



                                                                                                  TERESA SILVA

DESTE LADO...

Deste lado,
espreito,
espreito o mundo dos humanos,
devagarinho,
sem que me vejam,
não sou como eles,
nem quero ser...
Sou como eu,
igual a mim,
respeito-os,
por vezes,
dou-lhes a mão,
mas não os arrasto,
vem comigo quem quer...
Deste lado,
tudo é lindo,
as cores são mais vivas,
os sorrisos soam a musica,
o sol encontra-se com a lua,
ouve-se o silencio,
fala-se com o mar...
Deste lado,
sente-se a magia no ar!!!

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

QUEM SOU EU?

De onde terei eu vindo?
Quem sabe,
eu pertença a uma historia de embalar...
Se calhar,
até sou a encarnação da gata borralheira,
por acaso sou cozinheira...
Tenho a mera impressão que não sou normal,
as vezes,
penso que não existo mesmo,
terei sido eu tirada de um conto de fadas?
Talvez,
numa distracção de Deus,
e farta de adormecer criancinhas,
num golpe de sorte ou não,
me tenha esquivado para o mundo dos humanos...
Posso até ter vindo nos braços de um príncipe,
mas se assim foi,
onde está ele?
Porque me abandonou,
num mundo que não é o meu...???

sábado, 12 de novembro de 2011

MEU SILENCIO...

Meu silencio,
é doce,
nele cabe,
a mais bela lembrança do teu sorriso,
transporta-me para o meu mundo,
um mundo secreto,
onde só não entras,
se não quiseres...
Meu silencio,
sabe-me bem,
faz-me sorrir,
um sorriso bobo...
Meu silencio,
tem o teu nome,
e num sonho,
leva-me ao teu encontro,
faz-me vaguear,
voar até ao mais alto dos meus delírios,
e pousar em frente ao teu olhar,
beijar-te sem te tocar,
amar-te sem te abraçar...
E em teus braços,
sentir-me feliz!!!

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

FAZES-ME FALTA

Por vezes,
sou complicada,
marcada pelo mundo,
numa vida feita de nada...
Quero tudo,
sem querer nada!
Admito,
fazes-me falta...
Arrisco,
a querer o que me mata,
a desejar o que me consome,
num mundo que não dorme...
Adormeço neste tormento,
gritando pelo teu nome,
sem que me ouças,
em teu precioso silencio,
sentes,
o que não entendes...
Ou quem sabe,
talvez mentes,
e pressentes,
fingindo que não entendes...
Fazes-me falta,
em tua presença,
meu silencio,
não me mata,
na ausência de tuas palavras!!!

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

A ARTE DE AMAR


Pedir perdão,
é importante,
perdoar,
é livrar a dor,
errar é humano...
Mas amar,
amar é sublime,
é viver em paz,
não é fácil...
Amar é um dom,
nasce com o ser,
é uma arte...
A arte de amar,
só o tempo ensina na perfeição,
mas a perfeição,
essa não existe,
não tem fim...
E quando,
tudo parece ter sido em vão,
vem o destino,
com seu toque final,
e diz que nada é em vão...
Atalhos são necessários ,
para travar batalhas...
Há um projecto,
uma missão a cumprir,
missão cumprida,
só depois,
de todas as batalhas passadas,
e a arte de amar,
aperfeiçoada...!!!

terça-feira, 8 de novembro de 2011

NÃO DEMORES

Pronto,
estou preparada,
para a tua chegada,
mas não demores,
esperar,
faz-me ficar ansiosa,
e a ansiedade rouba-me o sorriso...
Tenho andado distraída,
enquanto espero pela tua vinda,
há muito,
prometida de vida em vida,
perdida entre mundos,
adormecida em sonhos,
vagueando no espaço e no tempo,
esperando,
um dia,
no acaso do destino,
encontrar-te...
Por não existir acasos,
mas sendo certo o destino,
tenho andado ocupada,
a aprender a amar...
Quero mostrar-te,
o que me ensinou a vida,
o que aprendi na tua ausência,
o resto,
ensina-me tu,
quero aprender perto de ti,
mas não demores,
não quero,
deixar passar mais uma vida sem te encontrar...
Quero ter tempo,
para amar-te!

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

FALA-ME DE TI

Fala-me de ti,
dos teus sonhos...
Conta-me como chegaste aqui,
as batalhas que travaste,
as guerras que venceste,
as lágrimas que choraste,
os sorrisos que escondeste...
Fala-me de ti,
das tuas emoções,
as tuas vitórias,
as tuas derrotas...
Conta-me como te sentes,
eu digo-te como passas o dia em meu pensamento,
conto-te quantas vezes eu te vejo sem te ver,
falo-te dos meus sonhos,
dos meus segredos...
Fala-me de ti,
eu conto-te como te admiro,
como me orgulho de ti...!!!

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

NÃO ME AMES

Deixa a porta do teu mundo entre-aberta,
para que eu,
pé ante pé,
como que sem querer,
possa espreitar,
entrar de mansinho,
e devagar eu te possa amar,
sem te amar,
possa sentir,
o que o teu coração me diz,
entre palavras,
as que nunca me disseste...
Mas não me feches no teu mundo,
quero poder sair sem te fazer chorar...
Sou como uma gaivota que voa,
livre sob o mar...
Um dia,
cortaram-me as asas,
quase morri afogada,
num mar de ilusões...
O amor é lindo,
mas destrói corações,
acalenta gritos,
corta asas,
desaba mundos...
O amor faz doer!!!
Rouba-me um beijo,
oferece-me uma flor,
leva-me a passear na chuva,
faz-me sorrir...
Mas não me ames,
ama-me apenas,
sem me amar...!!!

terça-feira, 1 de novembro de 2011

LOUCA MAS FELIZ

Tu que,
pairas em meu sonho,
vagueias em minha mente...
Eu te proponho,
não te escondas,
aparece na minha frente...
Tu que,
nem sei quem és,
ou de onde vens...
Eu te proponho,
diz-me o teu nome,
dá-me a tua mão,
eu dou-te o meu presente,
e juntos,
vamos descobrir o futuro,
onde o mundo é o que queremos,
e os sonhos são o que desejamos...
Tu que,
encantas a minha vida,
sem saberes que eu existo...
Eu que persisto em te encontrar,
e nem sei sequer,
se existes...
Sei que sou louca,
se Deus me fez assim,
não há nada a fazer,
apenas aceitar minha loucura,
e ser feliz do jeito que sou...
Louca mas feliz!

SUA MAJESTADE, O MAR...

Contou-me o mar,
que no teu vagar se esconde,
um segredo por contar...
Oh,
leve brisa de mar salgado,
com todo o respeito,
pergunto-te...
Que segredo tens para me desvendar?
Com tua autoridade,
sua majestade,
nem me responde,
e numa forte teimosia,
me ignora dizendo,
que tudo vem a seu tempo...
Recolhendo-me em silencio,
de regresso ao meu lar,
num pranto duvidoso,
eis que toda a pergunta tem sua resposta,
é preciso saber esperar...!!!

domingo, 30 de outubro de 2011

APENAS EU, MAS FELIZ...!

Tento ser eu,
mas o mundo teima em moldar-me...
Teimo em contraria-lo,
mas o mundo acha que me conhece...
Não sou quem o mundo quer,
sou eu,
apenas eu,
diferente de toda a gente,
igual a tanta gente,
mas o mundo não entende...
Coitado do povo,
ignorantes criaturas,
felizes por acharem que,
com suas travessuras,
me derrubam...
Afinal,
meu silencio...
Ah...!
Esse...
É apenas sinal de minha delicadeza,
deixo o mundo ser feliz à sua maneira...
Pois,
é assim que quero que me deixem ser...
Feliz à minha maneira!!!

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

ERAS TU...!!!

Um dia,
no acaso da vida,
nossos caminhos se cruzarão,
perdidos,
entre sorrisos,
nos encontraremos num olhar...
Na loucura de te amar,
ao ver-te sorrir ao luar,
entre a melodia do mar,
saberei na certa,
que eras tu,
sim,
eras tu que eu esperava há milhões de anos...
Afinal,
os acasos não existem,
e o sorriso,
é a identidade da alma,
o reconhecimento dos corações,
a chave do mistério...
O olhar,
é a magia,
a certeza eterna,
de quem se ama...!!!

terça-feira, 25 de outubro de 2011

EU PEDI...

Eu pedi amigos,
amigos choveram em meu caminho...
Eu pedi carinho,
carinho apareceu na minha vida...
Eu pedi alegria,
o mundo sorriu para mim...
Eu pedi amor,
amor de nada serviu,
o mundo é amigo só de nome,
o mundo dá carinho porque precisa dele,
o mundo sorri para esconder a lágrima...
O MUNDO NÃO AMA PORQUE NÃO SABE AMAR!!!

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

PARABÉNS FILHOTA!!!

No dia em que nasceste ofereci-te esse sorriso lindo que tens,
nunca o percas, não deixes que sacana nenhum o roube, pois é a herança mais preciosa que alguém pode ter e tem mil e uma funções: em primeiro lugar serve para mostrar que tas feliz, serve também para desconversar, serve para encantar quem te ama, até serve para irritar quem te inveja... em fim... és linda!!! PARABÉNS e que os teus sonhos façam parte do teu presente ;)))


quarta-feira, 19 de outubro de 2011

O SONHO...

um dia,
um alguém disse-me:
"es o sonho de qualquer homem..."
Não,
não quero ser,
o sonho de qualquer homem,
quero ser,
o sonho do homem,
aquele que veio ao mundo para me encontrar,
aquele que vive em mim,
aquele que me tem no coração,
aquele por quem eu espero e nunca me viu,
aquele por quem meu coração bate...
Sim,
esse mesmo,
esse que vive escondido sem saber que eu existo,
esse que chama por mim sem que eu saiba como chegar a ele...
Entre atrasos,
toda a chegada tem hora marcada!

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

UM LARGO VAGO ESPAÇO

Há um espaço,
um espaço a preencher...
Algures,
no meu mundo,
um largo vago espaço,
guardo para um ser perfeito,
sem perfeição...
Na imaginação de poeta,
trago comigo,
sorrisos desorientados,
gargalhadas arrasadoras,
alegrias cheias de esperança...
Uma explosão de sentimentos,
lançada em silencio...
A vida muda,
a qualquer hora,
através de um sentimento,
uma bomba rebenta,
num relampago,
tudo se altera...

UM OBRIGADO

Amei...
Sim,
amei muito...
Adoeci,
por não saber amar...
Para amar,
é preciso saber...
Aprendi,
porque não nasci sábia...
Aos meus ex amores,
um obrigado,
a eles,
devo isso,
em mim,
existe um pouco de cada um...
Apesar de me terem feito chorar,
também me fizeram sorrir,
sem saberem,
ensinaram-me a amar,
um dia,
fizeram parte do meu mundo,
hoje,
fazem parte da minha história,
são habitantes de minha memória...
A todos eles,
o meu obrigado,
por quem hoje sou...

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

UMA HISTÓRIA SEM FIM

O mundo gira,
dá voltas e voltas,
numa reviravolta,
tudo volta,
na memoria de um sonho,
traz a saudade,
faz cair uma lágrima...
Na volta,
traz de volta,
o que nada volta,
reaviva a memória,
bate a porta,
e vai embora...
Na história fica,
uma história para contar,
apenas mais uma,
desta vez,
uma história sem fim,
para contar numa noite de verão,
ao som de um trovão imaginário,
iluminando o céu,
num relâmpago mal rasgado...
Forte delírio,
numa reviravolta,
tanto vai como volta!!!

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

DOCE SILENCIO

O vento grita,
a chuva chora,
o sol comenta,
a lua sussurra,
o mundo lamenta...
e eu,
num leve suave sorriso,
ouço,
e em silencio,
nem à minha mente confesso,
o que meu coração entende,
e minha mente desmente,
ou talvez,
finge não entender,
e mente,
porque há coisas que se entende,
mas não se diz...
Há coisas que se diz com o olhar,
em silencio,
aquele silencio tranquilo,
cheio de nada,
um nada coberto de tudo...
Há coisas que não são para dizer,
apenas para sorrir,
num sorriso inocente,
de criança travessa,
onde só o doce silencio,
entende...

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

MUNDO MEU

No meu mundo,
onde eu dito as leis...
No meu mundo,
onde eu ordeno as regras,
tudo é possível...
Entre o sonho e a realidade,
numa verdade sonhada,
entre a real facilidade,
de querer e não querer...
E assim espero,
espero quem nunca vi,
ou talvez,
já tenha visto,
e sem querer,
disse adeus e partiu...
Quem sabe,
nem sequer reconheci,
provavelmente,
nem me viu,
seguiu em frente e sumiu...

sábado, 17 de setembro de 2011

MANINHA

Desejo-te o melhor que a vida tem,
para que possas sorrir,
não só hoje,
mas todos os dias...
Que Deus te abençoe,
na alegria,
e na dor,
com Paz,
e muito amor!!!
Que o teu presente seja,
todos os teus sonhos realizados,
e num suspiro de esperança,
nunca deixes de sonhar,
realizar,
amar e sorrir...
Porque,
tu mereces,
e no meu coração,
só permanece,
quem merece!!!

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

FORTES DELÍRIOS

Na poesia dos meus sentidos,
tu és uma melodia,
um sonho cantado,
que encanta o meu ser...
Na melodia do meu parecer,
quase que não se vê,
sente-se ao amanhecer,
a esperança,
de um dia te encontrar...
Passo pela vida,
quase sem entender,
fecho os olhos,
vou de viagem,
em busca de um sonho,
sigo entre caminhos desertos,
onde,
vidas se misturam,
entrelaçam-se...
Saudando um novo amanhecer,
nos meus sonhos,
tudo é de verdade...
Abro os olhos,
abro os olhos e descubro que são apenas,
miragens,
não passam de ilusões,
fortes delírios da alma!!!

O SEGREDO DE UM OLHAR

Olha em meus olhos,
descobre a diferença,
entre o querer e o medo...
Dentro de um olhar,
lá no fundo,
há sempre uma verdade,
fugir,
nem sempre significa não querer...
Por vezes,
atrás do medo,
escondem-se sonhos silenciosos...
Sopra-me o vento,
num leve sopro,
toca e foge,
como se tivesse medo,
de um segredo me contar...
Por momentos,
meu coração,
torna-se um sem abrigo,
solto,
num mar de ilusões ,
perdido,
com medo de naufragar...
Nunca,
sonhar foi desperdício de tempo...
Nunca,
falta de tempo,
foi motivo para não sonhar,
e o sonho,
está no silencio de um olhar,
acalentado,
em segredos irrequietos,
perdido,
num beijo teu...

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

UM PRESENTE DE DEUS

A vida,
dá voltas e revoltas,
tanto anda,
como desanda...
Com verdade,
por vezes,
mente,
na mente de um sonhador...
O mundo gira,
numa dança sem fim,
tanto encanta,
como desencanta,
entre o tormento e a dor,
o sorriso e o amor,
seguindo rumo ao infinito,
entre gritos e desvaneios,
neste mundo de loucos...
Assim vou eu,
caminhando de pés descalços,
vivendo e aprendendo,
neste jardim/escola,
onde Deus me colocou,
e me deu como presente,
a vida...




terça-feira, 30 de agosto de 2011

ENTRE O SONHO E A REALIDADE

Nem sempre faço,
o que devo,
nem sempre digo,
o que sinto...
Sempre faço,
o que quero,
sempre falo em silencio,
o que quero,
e o que não quero também...
Posso não dizer-te,
posso não ligar-te,
até pode não parecer,
mas no meu mundo,
és a personagem principal...
Dentro de mim,
é onde tudo acontece,
no mundo dos sonhos,
no país das maravilhas,
onde o sonho e a realidade se encontram...


NÃO É FÁCIL

Bem que tento,
escrever-te uma mensagem,
uma mensagem especial,
tão especial como tu...
Desisto,
não é possível,
escrever o impossível...
Não é fácil,
perceber o que não se vê...
Vai se lá entender o coração...!!!

PARA MAIS TARDE RECORDAR

A vida corre,
escorre como água,
o tempo mata,
os anos morrem,
o vento foge...
E eu...???
Fujo com ele,
não tenho alternativa,
não posso parar no tempo,
o tempo mata,
a dor consome...
No palco da vida,
não se repetem cenas,
não se rebobinam momentos...
No meu elenco,
não quero tormentos,
apenas sorrisos e aplausos,
para mais tarde,
recordar!!!

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

CHEGAREI LÁ


Algo me chama,
não sei o que é,
sinto o eco no meu peito,
sei que me dirijo a algum lugar,
nem sei onde,
mas vou lá chegar,
quando chegar,
saberei de certeza que cheguei...
Lá,
onde tudo acontece,
tão longe,
e tão perto,
no paraíso do meu mar deserto,
desperto do meu sonho,
e num sorriso,
entenderei que me encontrei...
Eu,
que tanto me procurei,
por vezes,
cheguei a achar que tinha chegado,
vezes sem conta,
me enganei,
nem tantas vezes,
esperei por mim,
mas sempre me procurei...
Chegarei lá,
eu,
e um milhão de histórias para contar!!!

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

NADA PELA METADE

Vivo em aventuras,
meus sonhos,
são planos,
minha realidade,
ilusões,
que faço questão de vive-las...
No meu mundo das maravilhas,
nem tudo é encantado...
Na verdade,
quero tudo,
nada pela metade,
que não me falhe nada,
que venha a simplicidade,
nem a vaidade me conquistará...
Na minha caixinha das lembranças,
existe nada mais que lembranças,
doces ou amargas,
mas lembranças apenas,
nunca,
a vontade de voltar no tempo...
Bem sei que,
na minha caixinha das surpresas,
existe muito mais aventuras,
sonhos e planos,
ilusões e verdades,
à espera de serem,
vividos e realizados...
Quero tudo,
nada pela metade,
que venha a saudade,
mas que não fique,
para a eternidade!!!

domingo, 21 de agosto de 2011

ASSIM SEMPRE SEREI

Que venham as críticas,
que venham as censuras,
batam-me nas costas,
(são largas,
eu aguento-me com o balanço)
e voltem para traz...
Não quero nem saber,
sigo em frente,
de cabeça erguida,
consciente de meus actos,
e feliz...
Sou assim,
assim sempre serei,
do jeito que eu quero ser,
sou livre,
livre sempre caminharei...
Estou de passagem,
não vim para ficar,
que venha comigo quem quiser,
quem não quiser,
pois que fique...
Sigo o meu caminho,
satisfação alguma,
devo a alguém...
Assim vou vivendo,
entre lágrimas e gargalhadas,
sonhos e realidades...
Assim vou caminhando,
vivendo e aprendendo,
sorrindo e chorando...
Sempre amando!!!

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

PORQUE TU MERECES

Anjos,
são humanos,
aparecem do nada,
disfarçam-se de amigos,
invadem a nossa vida,
instalam-se em nosso coração...
Por isso,
desejo-te o melhor que a vida tem,
para que possas sorrir,
não só hoje,
mas todos os dias...
Que Deus te abençoe,
na alegria,
e na dor,
com Paz,
e muito amor!!!
Que o teu presente seja,
todos os teus sonhos realizados,
e num suspiro de esperança,
nunca deixes de sonhar,
realizar,
amar e sorrir...
Porque,
tu mereces!!!

domingo, 14 de agosto de 2011

AMORES PERFEITOS

Ponho-me a pensar,
tentando encontrar palavras...
Palavras,
é o que não tenho,
nesta viagem,
onde tudo o que vejo,
são miragens,
fortes delírios,
entrelaçados em sonhos,
construções imaginárias,
feitas ao acaso,
num faz de conta de ideias brilhantes...
Construindo um cenário perfeito,
perfeitos são,
os encantos da imaginação,
onde amores perfeitos,
são amantes do coração,
que se vão,
num abrir e fechar de olhos...
Afinal,
a perfeição não é humana,
e amores perfeitos,
ou são flores,
ou são fruto da imaginação...

terça-feira, 9 de agosto de 2011

MEMORIAS

Memorias,
memorias é o que fica,
depois dos sonhos passarem...
São lembranças,
que o vento traz com o tempo,
são as armas que Deus tem,
para nos fazer sorrir,
ou até mesmo,
para nos ajudar a escolher o caminho a seguir...
Por vezes,
para nos fazer chorar,
quem sabe,
de saudade,
ou de dor,
talvez,
de alegria...
Na lembrança,
fica o registo de um passado,
por estranho que pareça,
ás vezes,
bem passado,
tantas vezes,
mal amado,
mas sempre bem vivido...

domingo, 7 de agosto de 2011

NUM SONHO REAL

Quero morar num sonho,
brincar ás alegrias,
sorrir sem medo...

Quero que no meu sonho,
alguém me dê a mão,
sempre que eu quiser fugir,
não me aguente no chão,
e fuja comigo também...
Alguém real,
que não tenha medo de amar...

Quero morar num sonho,
voar entre as estrelas,
saltar à corda na lua...

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

O MELHOR QUE O MUNDO TEM

O amor,
não tem medida,
não se pesa,
não se compra,
não se vende,
não se conta...
Ninguém vai ao hiper comprar,
um kilo de amor,
ou chega à loja de ferragens e pede,
um metro de amor...
Quem diz que ama demais,
é doente...
Quem ama de menos,
é ausente...
Amas um pai e uma mãe,
tu cresces e segues o teu caminho,
amas um irmão,
ele orienta o seu destino,
amas um filho,
ele cresce e vai à sua vida,
amas um amigo,
ele é livre...
Amas um homem ou uma mulher,
aí tá o caldo entornado,
prendes,
choras,
sofres,
fazes chantagem emocional,
Está errado,
quem ama,
cuida,
liberta,
não prende,
nem faz sofrer...
Amor é sempre amor!
Para todas as pessoas que amas,
desejas o melhor que o mundo tem,
e o melhor que podes dar a alguém,
é a liberdade...

SOBREVIVÊNCIA

Já tive,
sonhos desfeitos,
sonhos realizados,
amores vividos,
amores escondidos...
Já atravessei tempestades,
desertos e florestas,
céus e mares,
sem sair do mesmo lugar...
Já gritei,
chorei,
sofri,
amei,
sorri...
Tanto que já passei,
muito tenho para passar...
Tal como,
no mar só se salva quem souber nadar,
na vida,
só se salva quem souber sorrir...
É um instinto de sobrevivência,
por vezes,
difícil,
mas,
se até o mar acalma depois de passar o navio,
também a vida tem mais brilho depois de uma lágrima caída...

sexta-feira, 29 de julho de 2011

EM SILENCIO

Perguntas-me se te esqueci...
Em silencio,
eu respondo...
Em silencio,
não entendes...
Então,
eu respondo de outro jeito,
abro o peito,
e pela voz,
deixo o coração falar...
O silencio,
é a melhor forma de amar,
pelo olhar,
fala o amor,
e os sonhos,
vagueiam pela mente de um sonhador,
são desejos dos amantes,
doces beijos encantados...
Entre montes e vales,
voa,
e não cales o que sentes,
porque,
impossível mesmo,
é esquecer alguém como tu!!!

quinta-feira, 28 de julho de 2011

VENHO DE LONGE

Venho de longe,
de muito longe,
tão longe que quase já nem lembro de onde...
Estou de passagem,
nesta viagem sem fim...
Pera onde vou,
não sei,
apenas sei,
que procuro alguém,
nem sei quem...
De onde venho,
trago histórias,
pequenos contos,
alguns,
engraçados,
outros,
nem tanto...
Viajo entre meus sonhos,
tentando adivinhar onde estás,
neste mundo louco que só me quer endoidecer,
brinco de ser feliz,
é como quem diz,
só não sorri quem não quer,
brincando ás alegrias,
na paz de cada dia,
são ninharias,
o que o povo quer,
fantasias,
o que o mundo tem...

ASSIM SOU EU

A vida fez-me assim,
tal como sou,
alegre,
triste,
romântica,
impulsiva,
honesta,
firme,
guerreira,
sonhadora...
Feliz!!!!
Assim sou eu,
a tal que,
tantos falam,
mas poucos conhecem...
A mulher que,
muitos admiram,
e tão pouco entendem...
Por vezes,
refilona,
insegura,
decidida,
autoritária,
teimosa,
amável,
tímida,
rebelde,
descontraída...
Eu mesma,
sem tirar nem pôr,
igual a mim mesma...
Assim,
sou eu,
tal qual a vida me fez...

quarta-feira, 27 de julho de 2011

(IM)PREVISÍVEL

Há momentos na vida,
em que nada se entende,
tudo se sente,
nada se tem...
Há momentos na vida,
em que o mundo pára,
a saudade vem,
a esperança vai,
a lembrança fica...
Mas,
nem tudo está perdido...
Há momentos na vida,
em que tudo é alegria,
o mundo sorri,
a vida é uma festa...
O ser humano,
por vezes,
é (im)previsível...
Come,
para não morrer de fome,
grita,
para não sufocar a dor,
chora,
porque faz doer,
sorri,
porque não quer chorar...
Assim,
sinto o palpitar do meu coração...
Ao acordar,
tenho a certeza de que quero viver intensamente,
e voltar a amar,
tantas quantas vezes forem possíveis,
até te encontrar

NADA É EM VÃO

Já vi,
de tudo,
um pouco,
sem nada ver...
Aprendi um pouco,
sem nada saber...
Vou fechar os olhos,
dar-te a mão,
trazer-te ao meu coração,
espero não ser em vão...
Não,
nada é em vão!
Bem sei,
que tanto tenho para aprender...
Não quero tirar-te do teu caminho,
quero apenas,
um pouco da tua atenção,
para que possas entender,
a voz do meu coração...
Na minha sede,
procuro encontrar a fonte,
não tenho medo,
apenas algum receio,
que me apavora,
neste mundo deserto,
coberto de solidão,
repleto de ilusão...
Um dia,
nem tão longe,
nem tão perto,
ao entardecer,
entenderei no anoitecer,
o quanto quer dizer um beijo teu,
ao amanhecer...

domingo, 24 de julho de 2011

JÁ SEI SOMAR

Em cada esquina,
um problema encontrei...
Em cada problema,
descobri uma solução...
Cada solução,
foi uma lição,
que a vida me deu.
Por não ser muito boa a fazer contas,
algumas vezes,
a vida me derrubou,
por vezes,
até machucou...
Mas minha valente teimosia,
sempre me salvou,
sempre virou tudo do avesso,
e me fez sorrir...
Aqui estou,
forte e feliz,
esperando por ti...
Já podes sair do teu esconderijo,
já sei somar...
(meu sorriso +  teu sorriso = nosso sorriso)
Com esta matemática,
seremos felizes,
não tenhas medo,
a vida é um mistério apaixonante...

sábado, 23 de julho de 2011

LIVRE

Quero ser,
eu mesma,
sem tirar nem pôr...
Quero,
que meu amor apareça,
me encontre autentica,
livre e idêntica a mim mesma...
Orgulho-me do que aprendi,
feliz,
ou não,
vivi...
Por vezes,
até morri,
mas sempre sobrevivi...
Estou aqui,
sã e salva,
espero por ti há séculos...
Quero que te orgulhes de mim,
da pessoa que sou,
do coração que tenho,
das asas que conquistei...
Sou livre,
e livre quero voar,
em teus sonhos pousar...
E ser feliz!!!

quinta-feira, 21 de julho de 2011

NO MEU SONHO

No meu sonho,
tu és o sol...
És,
a luz perfeita,
o calor ideal,
a estrela principal...
Uma alma perdida,
sem nome,
sem rosto,
num mundo encantado...
No meu sonho,
sei quem és...
No meu sonho,
sem te ver,
sinto a tua presença,
no meu ser,
sem te conhecer,
és a luz,
do meu viver...
No teu sonho,
talvez eu seja a lua,
ao longe,
na tua verdade,
nua e crua,
vestida de vaidade...

quarta-feira, 20 de julho de 2011

DESTINO...

O destino é traiçoeiro,
por vezes,
promete,
por vezes,
não cumpre...
O presente,
cobra,
e o futuro sofre na pele,
as escolhas do passado...
É importante,
escolher bem,
do bom e do melhor,
agora,
já...
O hoje,
é o futuro de ontem...
Amanha,
será o destino,
da decisão de hoje...
É urgente,
decidir,
depressa e bem!

LÁ LONGE...

Quantas palavras calei,
entre sorrisos distraídos?
Carentes desabafos...
Quantas vezes,
sufoquei gemidos?
Alegres gargalhadas tristes...
Quantas alegrias,
poderiam ter sido vividas?
Entre olhares apaixonantes...
Coincidências,
meras coincidências,
que nem sequer existem...
Apenas ilusões,
criadas pela imaginação,
travadas na realidade...
Ah...!!!
Minhas asas...
Essas são invisíveis,
mas existem...
Fecho os olhos e vou,
vou onde meu coração me leva,
lá longe,
aqui,
dentro do meu peito,
tudo é possível...
Lá longe,
onde ninguém alcança,
aqui dentro,
vive a esperança!!!

terça-feira, 19 de julho de 2011

A VIDA É ASSIM

Numa estrada deserta,
vou caminhando,
entre a multidão,
num mundo desconcertante...
Vivo,
entre o sorriso e a lágrima,
numa ilusão,
quer queira quer não,
a vida é assim...
Tudo o que vejo,
são miragens,
sonhos desfeitos,
vividos e revividos,
não perdidos,
mas aprendidos,
mestres do destino,
outrora,
desconhecidos...
Uns ficam pelo caminho,
outros,
leve-os no coração...
São os meus amores,
frutos de meus sonhos...
Meros habitantes do meu mundo

sexta-feira, 15 de julho de 2011

PAZ

Um pouco de paz,
paz para sorrir de verdade,
sem fingir...
Amar devagar,
sem fugir...
Um pouco de paz,
paz para ser feliz,
num abraço...
Quanta verdade,
vai num silencio...
Quanta mentira,
pode ser dita numa palavra...
O mundo precisa de paz,
mas esquece de a dar...
O mundo quer sorrir de verdade,
mas ama a correr...
Tu,
que procuras a felicidade,
na tua corrida louca,
esqueces os pormenores...
A felicidade,
está nas pequenas coisas,
no mais simples gesto de amor

quarta-feira, 13 de julho de 2011

SAUDADE

Saudade,
esse bichinho louco!
Roí por dentro,
nao mata,
mas dói...
Numa esperança,
traz de volta,
o que sempre tive,
com a lembrança de um sonho,
que nunca vivi...
Numa ilusao,
me mostra,
a visao do que jamais vi...
Nao digo coisa com coisa,
eu sei,
mas que coisa faz sentido,
diante da verdade que vivo,
em cada sonho meu?
Saudade,
esse bichinho travesso,
num sonho lindo,
vira tudo do avesso...!!!

segunda-feira, 11 de julho de 2011

FELICIDADE

Há uma menina bonita dentro de ti,
talvez,
por ser tao linda,
nao a vês...
Chama-se felicidade,
estende-te a mao,
assim que abres os olhos,
salta na tua frente,
a toda a hora,
na esperança que a vejas...
Mas tu,
tu procuras por ela,
sim,
procuras,
mas procuras longe,
longe demais...
Passas o tempo,
de olhos postos no horizonte,
de alma perdida,
de coraçao nas maos...
Nem te apercebes,
que a maior beleza está dentro de ti...

sábado, 9 de julho de 2011

MUNDO LOUCO

Num mundo de loucos,
salvo estará,
quem for louco,
e se caíres por terra,
cai de tanto rir...
Ignora a tristeza,
e nao chores,
nem um pouco,
se a tristeza te chamar,
que sejas mouco...
Nao esqueças,
a felicidade,
vem aos poucos,
num vai e vem,
de tempestades loucas...
Por isso,
segue em frente,
de sorriso nos lábios,
e alegria no coraçao!!!

quarta-feira, 6 de julho de 2011

GRITO

Solta-se um grito,
ninguém sente...
Ouve-se o eco,
alguém mente...
Na esperança de um futuro feliz,
grita quem sente,
mente quem ouve...
Mas tudo passa,
o grito vira sorriso,
na lembrança,
fica a saudade...
É como quem diz,
quem espera sempre alcança...
Pois,
se na altura de gritar,
ninguém quer ouvir,
mais vale sorrir a fingir,
que ser feliz a chorar...
Nunca fiz o que me mandam,
nao,
nao vou mais gritar,
vou sorrir sempre,
até que a morte me queira matar!!!

MEUS ANJOS

Meus anjos,
desde sempre,
me acompanham...
Nasceram comigo,
vezes sem conta,
acompanham-me ao longo de minhas vidas
vou caminhando com eles no coraçao,
levo-os a todos com muito cuidado,
dou-lhes carinho e atençao...
Meus anjos,
sao meus amigos,
tesouros que conquistei,
sábios meninos,
nem femininos,
nem masculinos...
Apenas anjos,
relíquias do passado,
diamantes do futuro,
presentes de Deus,
amantes do destino...!!!

terça-feira, 5 de julho de 2011

QUERO-TE...

Quero-te,
sem te querer,
na fase do medo,
onde mora o desejo de te ter...
Quanta verdade,
vai e vem,
na saudade do que nunca tive,
e desde sempre,
foi meu...
Sentindo o teu abraço,
no meu sonho,
esqueço o cansaço...
Um dia,
sei que vens,
quando chegares,
lembra-te de sorrir,
compensa-me,
por cada lágrima que chorei,
por cada suspiro que dei,
por cada vez que me deixei ir abaixo,
na tua ausência...
Quero,
o teu abraço mais feliz,
sentir o teu amor na pele,
como se fosse um aprendiz!!!

segunda-feira, 4 de julho de 2011

ÉS ÚNICO...

És um sonho,
o meu sonho,
nao mudes nunca...
Sejas sempre tu mesmo,
se tiver que te amar,
amar-te-hei pelo que és,
genuíno e autentico...
Só assim,
farás parte do meu mundo
Teus,
sao os teus defeitos,
se nao os tivesses,
nao serias tu,
tuas qualidades,
a ti te pertencem ...
És único,
nao existe ninguém igual...
O ser humano,
é constituído por defeitos e qualidades,
à conta disso,
torna-se único no mundo...
Meu silencio,
nao,
esse nao significa tristeza,
minha euforia,
nem sempre quer dizer alegria...
Terás que aprender,
a ler-me nos olhos,
terás que aprender,
a ouvir-me na ausência das palavras...

quarta-feira, 29 de junho de 2011

PROCURO-TE

Abro os olhos,
em cada manha,
espreito o sol,
alegre e feliz...
Olho o relogio,
o tempo passou,
mais um dia e nao te encontrei,
à pouco era noite,
agora,
já é manha...
Um novo dia começa,
e eu aqui sem ti...
Por onde andas?
Sonho contigo todas as noites,
todos os dias penso em ti...
Qual será o teu nome?
Eu chamo-te,
amor...
Como o mundo te chama,
nao sei...
Apenas sei,
que espero por ti,
desde que nasci...
Por vezes,
perco-me na vontade de te achar,
para de novo,
me voltar a encontrar...

MISTÉRIO FASCINANTE

A vida,
é encantada,
pela sua beleza natural...
Um mistério,
que desvendado,
se torna fascinante...
Nao basta respirar,
entre tantos encantos,
fascinantes sao,
os resultados de uma busca,
apesar de saber,
que por vezes faz doer,
nada é em vao...
Tudo vem ao mundo,
por uma razao,
e na solidao,
morre o coraçao...
Para viver,
é preciso saber,
para respirar,
nao tem que saber...
Por isso,
enfrenta os desafios,
ganha sabedoria,
e vai em frente...
Quanto mais enfrentares,
mais sábio ficarás...

segunda-feira, 27 de junho de 2011

O QUE SINTO

Invado o meu ser,
num silêncio profundo,
desligo o mundo,
entro dentro de mim,
fecho a porta do meu coraçao...
Apartir deste momento,
ninguém entra,
ninguém sai...
Deixo deslizar a minha mao,
na ponta dos meus dedos,
está o meu coraçao...
Escrevo,
escrevo o que me vai na alma,
se rima ou nao,
nao importa,
se sai poesia ou sermao,
é indiferente,
se é prosa ou poema,
nao interessa...
O importante mesmo,
é o que sinto cá dentro,
onde ninguém sente por mim,
nem tao pouco,
falar do que sinto,
alem de mim...

sábado, 25 de junho de 2011

UM SONHO LINDO

Vieste tu,
tomaste-me em teus braços,
num abraço suave e forte,
perdi o norte...
Em teu beijo mais profundo,
um silencio calmo,
fez-se ouvir...
Bateu uma saudade,
num desejo de verdade,
abri os olhos...
Nao era real,
afinal,
era apenas,
um sonho lindo...
Fechei os olhos,
queria voltar a sonhar,
mas meu sonho,
nao voltou,
deixou a saudade,
e a vontade de sonhar,
um dia de verdade...

sexta-feira, 24 de junho de 2011

UM DIA ESTIVE LÁ...

Um dia estive lá,
bem lá no fundo,
onde nada se vê e tudo se sente...
Roubaste-me o sorriso,
sufocaste-me no tempo,
apesar de eu gritar,
nem mais meu grito se fazia ouvir...
trepei paredes,
esperneei,
gritei,
chorei...
Nada viste,
nada ouviste,
nada sentiste...
Teu amor era forte demais,
tao forte que me amarrou,
amordaçou-me sem que te desses conta...
Virei fera,
num mundo criado por mim...
Por isso,
nao me venhas falar de amor,
nunca digas que nao te amei...
Nao penses que sabes tudo,
tudo nao saberás nunca,
sabes sim o que sentes,
mas o que eu sinto,
jamais saberás por mais que te diga...
Do meu amor,
aquilo que existe em mim,
só eu poderei falar,
podes até entender,
mas nunca sentir o que eu alguma vez senti...
Um dia estive lá,
mas tu,
lá nao estavas para me ajudar a voltar...
Voltei,
voltei sozinha,
mas feliz...

ESQUECENDO A RAZAO

Olha nos meus olhos,
sente,
ouve o que te digo,
em minhas palavras silenciosas,
deixa que eu te olhe,
deixa-me vaguear pelo teu ser,
quero ajudar-te a descobrir o que escondes de ti,
Tanto que te digo,
no meu silencio...
Tanto que nao me ouves,
na tua inocência...
Entre gargalhadas,
soam trovoadas,
só nao ouve quem nao quer,
ou quem tem medo...
Em cada ser,
existe uma criança adulta,
um adulto criança,
criança crescida,
adulto menino...
Entre o oito e o oitenta,
fica o coraçao,
o que cada um sente,
levando na palma da mao,
a flor do amor,
por vezes esquecendo a razao,
brincando com paixao,
sem querer brincar com o coraçao...

NO OLHAR

No olhar,
se vê o coraçao,
a emoçao do presente recebido,
a solidao do passado sentido,
a paixao do futuro desconhecido...
No olhar,
segredos sao revelados,
desejos sao sentidos,
sentimentos sao desvendados...
No olhar,
ouve-se a voz do coraçao,
em silencio,
nasce a paixao,
morre a solidao,
sem permiçao,
o amor instala-se...
No olhar,
nascem estrelas,
brilham desejos,
crescem esperanças...
No olhar,
se vê uma alegria sem sentido,
onde nasce o amor sem medida,
deixando á deriva,
o que cresce sem medida,
num infinito desmedido!!!

AMIGO

De ti,
meu amigo,
quero o teu abraço,
o mais feliz e carinhoso...
Se tiveres um abraço triste,
também o quero...
Quero,
o teu tudo,
e o teu nada,
o teu sorriso,
e a tua lágrima...
Quero tudo,
o que me possa sentir presente em tua vida,
para que eu seja feliz,
por te fazer sorrir...
Assim,
chamar-te-hei,
 AMIGO...
Nao só,
por existires no meu coraçao,
mas por me deixares existir no teu também...

NO JARDIM DO MEU CORAÇAO

No jardim do meu coraçao,
brilha o sol,
cantam os passarinhos...
Quando chove,
o arco-íris vem visitar-me,
tao colorido,
fazendo-me acreditar que a alegria volta...
Sim,
volta,
volta sempre...
Os passarinhos voltam,
o sol volta,
as flores voltam...
De novo,
meu coraçao sorri,
sorri sempre...
O amor reina,
reina sempre,
no jardim do meu coraçao...

segunda-feira, 20 de junho de 2011

AOS INVEJOSOS

Quem me inveja,
vive no escuro,
nao tem luz própria,
precisa da minha luz para brilhar...
Nao vive por si,
precisa da minha vida para viver...
Quem me inveja,
faz-me sentir bem,
dá-me energia para brilhar cada vez mais,
dá-me força para lutar,
dá-me entusiasmo para viver...
Sao a arma que eu preciso para vencer,
mais e mais...
Aos invejosos,
um grande obrigado...
Afinal,
também merecem serem felicitados...


quinta-feira, 16 de junho de 2011

LEVE BRISA DE AMOR

Beija-me o sol,
como quem beija uma flor,
com pétalas de frescura,
numa leve brisa de amor...
Gira,
gira o sol,
enquanto me beija,
no encanto de seu beijo salgado,
trazendo à memória,
lembranças de tempos distantes...
Histórias passadas,
doces lembranças salgadas,
alegres beijos tristes...
Mas tudo passa,
na memória,
ficam historias para contar,
no peito,
ficam amores para lembrar,
no coraçao,
liçoes aprendidas...
Ilusoes de um beija flor,
sonhos de um girassol,
numa leve brisa de amor...

ENTRE LOUCOS

Nasci num mundo de loucos,
cresci fora de época,
caí tantas vezes,
e tantas vezes,
levantei-me...
Entrei num barco,
peguei o leme,
conduzi-o ate aqui...
Fui empurrada pelo vento,
sob um mar de sonhos...
Encontrei de tudo um pouco,
neste mundo de loucos,
sobrevivi...
Estou aqui,
parada,
sã e salva,
no meio do nada,
agarrada ao meu leme,
levo comigo,
o mundo nas minhas maos...
Sou louca,
eu sei...
Mas que importância isso tem???
Num mundo de loucos,
só é normal,
quem louco for...

sábado, 11 de junho de 2011

QUANTOS SORRISOS...!!!

Tantos sorrisos para dar...
Tantos sonhos para realizar...
Tantos mistérios para desvendar...
Tantos sorrisos...
o sorriso encantador,
o sorriso desconcertante,
o sorriso enganador,
o sorriso maroto/manhoso,
o sorriso misterioso,
o sorriso feliz,
o sorriso triste...
Tantos sorrisos...
Em cada olhar meu,
existe um sorriso teu,
entre tantos sonhos meus,
teus sao os meus sorrisos...

O CÉU ESTA TRISTE

Anjos derramam lágrimas sob a terra,
lágrimas que caem em nossas cabeças,
abençoam os coraçoes,
lavam a alma,
apagam tristezas...
O céu está triste,
a cidade lavada em lágrimas,
lágrimas que vem de cima,
de onde o olhar nao alcança...
Lágrimas que vem do infinito,
acordam sonhos,
e vao embora...
Anjos que choram,
ora tristes,
ora felizes...
Quem sabe????
Lágrimas nem sempre sao de tristeza...
A felicidade também chora,
traz a beleza,
manda a tristeza embora...

sexta-feira, 10 de junho de 2011

VIVE EM DOIS DIAS

Deus criou o ser humano para ser feliz,
por isso,
nunca deixes de sorrir,
o sorriso faz bem à alma...
A Deus,
agradece por cada segundo que respiras...
Ao mundo,
agradece por cada batalha vencida...
Viver,
é uma dádiva de Deus,
um presente do Universo!
Nao desanimes nunca,
recomeça sempre que necessário,
a vida continua após cada derrota,
de nada serve amuares,
de nada serve esperneares,
de nada serve bateres o pé...
O mundo gira de qualquer jeito,
quer queiras,
quer nao,
ele nao espera por ti,
o tempo passa,
e a vida sao dois dias...
Aceita as pessoas,
da mesma maneira que queres que te aceitem,
dá,
para depois receberes,
ama,
para seres amado,
conquista,
e serás conquistado...!!!

quarta-feira, 8 de junho de 2011

O AMOR

Alguém sabe,
qual é a medida do amor?
Quem sabe,
qual é o principio?
E o fim?
Alguém sabe?
Desde quando,
é que se pode dizer que é amor?
Em que ponto,
passa a ser obsessão?
O amor é livre,
nao prende,
nao ordena,
nao se submete...
O amor vive,
e deixa viver,
é um estado de espírito,
na sua essência mais pura,
vive de sorrisos,
alimenta-se de abraços,
e caminha de maos dadas...
O amor levita,
de frente para o sol,
de pés descalços,
ao sabor do vento,
na brisa do mar...
Alguém sabe amar assim?
Difícil...
Mas possível...

segunda-feira, 6 de junho de 2011

ANJOS

Obrigado,
pelo teu sorriso...
Obrigado,
pelo meu sorriso...
A ti,
te agradeço,
os nossos sorrisos!
Anjos,
sao humanos,
seres celestiais,
criaturas fantasticas...
Crescem em tamanho,
eternos meninos,
correm pelo mundo ao sabor do vento,
sentem,
choram,
amam...
Mas,
acima de tudo,
encantam quando sorriem...

domingo, 5 de junho de 2011

O TEU SORRISO...!

Uma dança,
na tua essência...
Uma melodia,
na tua alegria...
Assim é,
o teu sorriso...!
A cantiga,
que inspira a minha poesia,
a lembrança,
que me adormece com alegria...
Ah...!!!!
O teu sorriso...!
O teu sorriso é a causa da tua liberdade,
uma beleza de verdade,
a mais bela lembrança para a eternidade...
Cercar-te,
seria o mesmo que arrancar uma flor do jardim...
Amar-te,
seria o mesmo que fechar uma borboleta numa gaiola...
Desejo-te...
Sim...
Mas livre...
Só assim seremos dois a sorrir,
numa alegria livre,
num só sorriso!!!

sexta-feira, 3 de junho de 2011

POESIA...!

Poesia voa,
ao sabor do vento,
numa dança com sentimento,
tanto canta como assobia...
Na alegria sentida,
ou na triste balada...
Num sorriso de esperança,
ou numa lagrima de saudade...
Na melancolia das palavras,
poesia é sentimento,
como raio de luz,
tanto me diz,
como me seduz...
Poesia é uma arte,
arte de traduzir o que o coraçao sente,
na mente de um sonhador,
dançam os sentimentos,
brincam as palavras,
saltam os sonhos...
Poesia,
poesia é a beleza que vem de dentro...

quinta-feira, 26 de maio de 2011

UM DIA...!!!

Tento adivinhar,
no limiar da saudade,
tento encontrar o teu olhar,
sem saber porque te escondes,
na verdade de te amar,
quero acreditar que esperas por mim...

Um dia,
quando a verdade vier,
e a saudade me abandonar,
vou te achar,
para nao mais te deixar...

Amar-te-hei eternamente,
como sempre foi,
num passado distante,
sempre será,
num futuro apaixonante,
na paz delirante do teu ser...

domingo, 22 de maio de 2011

QUISERA SER EU UM DIA

Quisera ser eu um dia,
forte presença em tua vida...
Num leve,
suave suspiro de verdade,
se vai minha saudade,
fica a esperança,
leve,
suave sonho da realidade...
Quisera ser eu um dia,
uma criança em corpo de mulher,
adormecida em teus braços,
perdida no teu olhar,
ao acordar em cada manha,
de olhos abertos,
continuar a sonhar,
em teu peito habitar...
Quisera ser eu um dia,
doce lembrança do teu amanhecer...
Mas o tempo passa,
saudade que se foi,
esperança que vem,
presente que nao tarda...
Quisera ser eu um dia,
o que nao quiseste ver,
ficou apenas a doce lembrança,
do que o vento levou e nada deixou...

sexta-feira, 20 de maio de 2011

VOU PELO MUNDO FORA...

Vou,
vou pelo mundo fora,
como quem chora,
vou sorrindo...
Na aurora de cada manha,
danço,
ao som do pássaro que canta,
sua tristeza espanta,
sua alegria encanta...
Vou,
vou pelo mundo fora,
contando historias,
entre silêncios,
olhares e murmúrios...
Levo,
levo saudades,
amores e vaidades...
Vou,
vou pelo mundo fora,
vou feliz,
fazendo por isso,
vou sorrindo,
por vezes,
chorando,
sufocando meu grito...
Para nao acordar o mundo,
choro no silencio de um grito mudo,
onde a alegria cobre a tristeza,
de uma saudade passageira,
que tanto vem como vai...

quinta-feira, 19 de maio de 2011

ANTES DE ENVELHECER

Faz dos teus sonhos,
uma verdade,
transforma a saudade,
em esperança,
a verdade,
em realidade...
Vai,
vai sorrindo,
por vezes,
chorando,
mas vai,
na aventura dos teus sonhos...
Leva contigo,
no coraçao,
quem te quer bem,
no peito,
a saudade,
nos labios,
um sorriso para dar,
a quem vier por bem...
Nao,
nao tenhas pressa de viver,
tudo tem o seu tempo para acontecer...
Nao,
nao vás devagar,
a vida passa a correr...
Vai,
vai depressa,
sem pressa,
mas vive antes de envelhecer!!!

segunda-feira, 16 de maio de 2011

O PODER DA MUSICA

vinha eu a conduzir de volta a casa,
pensando no que ja passei,
tentando adivinhar o que terei para passar...
Minha vida toda estava ali,
passando na minha frente,
como uma fita de cinema,
tentando arranjar soluçoes,
palavras certas,
justificaçoes...
A fita parou,
deixando na minha frente,
uma tela cinzenta...
Liguei o radio,
mudei as emissoras,
nada interessante,
capaz de mudar as cores de minha tela imaginaria...
Preparando-me para ligar o mp3,
eis uma musica que me fez parar e sorrir,
a tela cinzenta,
era agora colorida,
cheia de luz e brilho,
a fita de cinema rodava novamente,
numa outra direcçao,
deixando sair de mim,
uma alegria enorme,
vinda nem sei de onde,
uma lagrima de alegria,
nem sei porque,
deixei escapar...
A musica tem seus poderes,
muitas interpertaçoes,
seus mistérios,
tantos delírios...
http://www.youtube.com/watch?v=kYHRq02YXkg
O poder da musica,
abre portas,
dá asas e deixa voar alto...

domingo, 15 de maio de 2011

É OBRIGATÓRIO SONHAR

Quantos sonhos,
ficam pelo caminho...?
Quantos mistérios,
ficam por desvendar...?
Enquanto o mundo gira,
oportunidades vao passando,
ideias vao surgindo,
vidas vao se alterando...
Enquanto o mundo gira,
sonhos vao se modificando...
Num vai e vem,
de temperamentos passageiros,
de saudades mal resolvidas,
de ilusoes trapaceiras,
onde viver,
é um mistério...
Vao-se as horas,
vao-se os minutos,
fica o presente,
numa realidade mágica,
onde sonhar é obrigatório,
para quem quiser sobreviver...

QUERO SER

Quero ser,
o sorriso dos teus labios,
a alegria no teu peito...
Quero ser,
o teu presente,
a esperança do teu futuro...
Vem cá,
dá-me a mao,
eu dou-te o coraçao...
Quero sentir-te feliz,
na ausencia das palavras,
quero ler-te no olhar...
Cada brilho,
cada suspirar teu,
seja em mim,
uma primavera renascida a cada dia...
Quero ser,
o sonho que te guia,
onde serás,
o sol da minha vida...

quinta-feira, 12 de maio de 2011

AMIGOS DO CORAÇAO

Com toda a dedicaçao
fazem rir ate mais nao
mandam embora a solidao
trazendo um sorriso de paixao...

Amigos especiais
com conversas banais
fazem passar o tempo
melhor que tv e seus canais...

Amigos do coraçao
no coraçao os levo
deixo um bjio
com todo o carinho...

SIGO...

Sigo,
um caminho que desconheço,
com certeza,
um caminho que mereço...
Faço dos meus sonhos,
uma verdade,
transformo a saudade,
em esperança,
a verdade,
em realidade...
Sigo,
sigo sorrindo,
por vezes,
chorando,
mas sigo,
na aventura dos meus sonhos...
Levo comigo,
no coraçao,
quem me quer bem,
no peito,
a saudade,
nos labios,
um sorriso para dar,
a quem vier por bem!!!

quarta-feira, 11 de maio de 2011

EU ESPERO...

Espero,
se o mundo gira,
eu espero...
As oportunidades giram com o mundo,
de nada me serve correr,
nao vou a lado nenhum,
lado algum sempre chega,
só terei que estar atenta,
nao vai lado nenhum chegar,
passar por mim,
e apanhar-me distraída,
seria uma perda de tempo...
Nao,
nao vou a lado nenhum,
fico aqui,
daqui nao saio,
quero ver o que perdi por nao esperar,
quero saber o que procurei sem encontrar,
quero sentir o que ainda nao senti,
quero viver sem medo de naufragar...
Nao,
nao vou fugir,
quero amar,
viver tudo o que houver para viver,
chorar tudo o que houver para chorar,
sofrer,
voltar a amar...
Nao,
nao vou a lado nenhum,
lado algum vem ate mim...
Estou aqui,
eu espero...

terça-feira, 10 de maio de 2011

AO LUAR

Numa viagem á lua,
no mundo dos sonhos,
daqui de cima,
tudo é lindo,
num clima de saudade,
quem sabe,
talvez,
numa esperança de verdade,
encontre alguem perdido,
na vontade de amar,
brincando de ser feliz...
Ao passar sem se notar,
viajando ao luar,
de olhar solto,
à deriva...
Sabe Deus,
nossos olhares se encontrem...!!!

QUERO SALVAR

Quero salvar,
um sorriso sonhado,
leva-lo para a realidade...
Acordar de um sono profundo,
descobrir que a felicidade é real...

Saltar de alegria,
dançar na rua,
cantar à lua...

Quero salvar,
um sonho feliz,
sentir um abraço...
De sorriso nos labios,
gritar que sobrevivi...

Saltar de alegria,
plantar uma flor,
apagar a dor...

Quero salvar,
tudo que nao tem preço,
colher o que mereço...
Despertar no amanhecer,
descobrir que sou feliz...

MUNDO ENCANTADO

O meu mundo encantado gira,
gira o sol em torno da terra,
gira a terra em torno do sol...
No meu mundo,
tudo acontece,
nada desvanece,
tudo permanece,
nascem as flores,
cantam os passarinhos...
No passado,
fica a saudade,
no presente,
a semente de um sonho desejado,
no futuro,
a incerteza de um infinito inacabado...
No meu mundo,
tudo é encantado...

segunda-feira, 9 de maio de 2011

QUANTAS VIDAS, QUANTOS SONHOS...

Quantas vidas tem uma vida???
Tenho lembranças que parecem ser de outros mundos,
sao mudanças que fiz para chegar aqui...
Nem sei porque estou aqui,
sei apenas que estou seguindo um caminho,
um caminho de alegrias e tristezas,
um caminho de sorrisos e lagrimas...
Quantos sonhos cabem numa vida???
Atrás de um sorriso meu,
existe uma esperança,
esperança de chegar,
nao sei onde,
esperança de encontrar,
nem sei quem...
De vez em quando,
aparece uma lagrima,
lagrima de saudade
sei lá de quê...
Mas a saudade doi,
entao chamo de novo o sorriso,
o sorriso que me consola,
o sorriso traz de novo a esperança,
liberta a dor da saudade,
manda embora a tristeza...
E assim vou saltando,
de sonho em sonho,
ora sorrindo,
ora chorando,
mas sempre firme,
tentando descobrir,
quantas vidas me faltam,
quantos sonhos terei para realizar...!!!

quinta-feira, 28 de abril de 2011

"VIDA"

Numa viagem,
seguindo um caminho chamado
 "vida"
só tenho a agradecer,
pelos obstáculos
que me aparecem pela frente,
pelas paragens
que me obrigam a perder um pouco do meu tempo,
pela dor
que me fotalece,
pela lágrima
que me amolece a dor,
pelo sorriso
que vem sempre no fim de cada paragem...
Assim se aprende a viver,
nas pequenas paragens da vida...
Num jogo misterioso,
nao me importo que me chamem louca,
quero tudo da vida,
amar,
cair,
sofrer...
E ainda assim,
voltar a amar,
sorrir,
viver...
Sou louca,
eu sei e gosto...
Faço colecçao de historias,
um dia,
vou conta-las aos meus netos...
Seguirei em frente,
sempre,
rumo ao desconhecido,
novos sonhos me esperam,
é preciso fazer o que ainda nao foi feito,
o futuro é agora,
amanha pode ser tarde...

NAO HÁ TEMPO A PERDER

Estou a perder tempo,
sem tempo a perder,
neste mundo perdido,
onde o tempo anda escondido...
Andando numa corrida louca,
saltando de sonho em sonho,
sem tempo a perder,
sou como uma borboleta,
frágil,
livre,
saltando de flor em flor,
onde cada flor é uma historia,
cada historia é um sonho...
E assim vou vivendo,
sem tempo a perder,
realizando sonhos,
virando paginas,
fechando etapas...
Nao tenho tempo a perder,
amanha pode ser tarde,
a vida acontece hoje,
agora,
ja...

quarta-feira, 27 de abril de 2011

NADA AO ACASO

Nada acontece ao acaso...
Se dói,
talvez seja para fortalecer,
se machuca,
talvez seja para mudar,
se atormenta,
talvez seja para aprender...
A dor nao se combate com a guerra,
a guerra deixa magoa,
a magoa gera mais dor...
Atrás de uma lágrima,
vem um sorriso,
pode ate existir uma dor,
arrumadinha,
escondida atrás de um sorriso,
o importante mesmo,
é sorrir...
A vida nem sempre é o que queremos,
sonhos acordados,
espantados pelo vento,
deitados por terra em vendavais...
Realidades desaguam em mares inesperados,
sentimentos seguem,
arrumados no baú,
armazenados em nossos coraçoes...
A vida nem sempre é o que queremos,
tudo muda,
enquanto existir mundo,
apenas o amor,
permanece no arquivo das recordaçoes,
jamais vai embora,
basta uma faísca e de novo volta na lembrança,
em forma de saudade...
Nada acontece ao acaso!!!



sexta-feira, 22 de abril de 2011

NA VIDA

Na vida,
encontramos,
de tudo um pouco...
Pessoas que sao o que parecem,
gente que nao é o que parece,
humanos que aparentam o que nao sao...
Na vida,
encontramos,
de tudo um pouco...
Pessoas que quando abrem a boca,
soa como musica,
gente que só de olhar,
cheira a fantasia,
humanos que nao valem o chao que pisam...
Por isso,
nao desanimes,
a vida é um entra e sai de gente,
só os amigos ficam para sempre...

quinta-feira, 14 de abril de 2011

MISTÉRIO ADORMECIDO

http://www.youtube.com/watch?v=mTmtBCym11k

Fecho os olhos,
por momentos,
minha mente voa,
solta na escuridao da noite,
de regresso ao sonho,
o sonho onde um beijo,
desvenda o mistério adormecido...
Em meu passado distante,
quem terás sido tu???
Um anjo,
persegues-me pela eternidade...
Nao,
nao necessito de ti,
nao,
falta nao me fazes...
Existes,
isso basta...
Quero-te livre,
solto na minha mente,
num presente eternamente vivo,
onde o sonho se transforma,
e a saudade nao mata,
apenas adormece ate ser dia...
Na aurora da manha,
arrumo o sonho e vou embora...
Sempre foi assim,
sempre assim será pela vida fora...

terça-feira, 12 de abril de 2011

A MINHA MENINA!!!


Hoje,
hoje escrevo para alguem especial,
alguem que vi nascer,
alguem que me abriu a porta para o mundo,
alguem que me ajudou a crescer...
Sim,
hoje escrevo para ti,
uma menina pequenina,
frágil...
O tempo passa,
um bebe calmo,
uma menina sossegada,
uma criança firme,
uma adolescente rebelde,
uma jovem cresceu...
Vinte anos mais tarde,
vejo uma mulher,
ainda pequenina,
aparentemente frágil,
mas forte e linda...
Hoje,
hoje vejo uma amiga,
querida por seus amigos,
de sorrisos vivos,
mas sempre,
uma menina...
A minha menina!!!!!

quinta-feira, 7 de abril de 2011

FELICIDADE NA SUA PORTA

Oi! Muito prazer!
Meu nome é Felicidade.
Faço parte daqueles que têm amigos, pois ter amigos é ser feliz.
Faço parte da vida daqueles que acreditam que ontem é passado, amanhã é futuro e hoje é uma dádiva.
Por isso se chama presente.
Faço parte da vida daqueles que acreditam na força do amor, que acreditam que para uma
história bonita não há ponto final.
Sou casada, sabiam? Sou casada com o Tempo. Ah! Meu marido é lindo! Ele é responsável pela resolução de todos os problemas, cura machucados,
vence a tristeza...
Juntos, eu ( Felicidade ) e o Tempo tivemos três filhos: a Amizade, a Sabedoria e o Amor.
A Amizade é a filha mais velha, uma menina linda, sincera e alegre. A Amizade brilha como o sol, une as pessoas, pretende nunca ferir, sempre
consolar.
A do meio é a Sabedoria. Culta e íntegra, sempre foi mais apegada ao pai, o Tempo.
A Sabedoria e o Tempo andam sempre juntos!
O caçula é o Amor. Ah, como esse me dá trabalho! É teimoso. Às vezes, só quer morar em um lugar.
Eu vivo dizendo:
- Amor, você foi feito para morar em dois corações, não apenas em um. O Amor é complexo, mas é lindo, muito lindo.
Quando ele começa a fazer estragos, eu chamo logo o pai dele, o Tempo, e aí o Tempo sai fechando todas as feridas que o Amor abriu!
Uma das pessoas mais importantes na vida me ensinou uma coisa:
- Tudo, no final, sempre dá certo. Se ainda não deu, é porque não chegou ao fim.
Por isso, acredite sempre na minha família, acredite no Tempo, na Amizade, na Sabedoria e, principalmente, no Amor.
Aí, quem sabe um dia, eu, a Felicidade, não bato na sua porta?



(autor desconhecido)